Outras Notícias

sessao publica 45 anos da revolucao de abril e o fim do colonialismo portugues 4 20191027 1772096205

Na sequência da realização do grande Encontro pela Paz, realizado em Loures em 2018, as 12 organizações promotoras desse encontro (ver abaixo) realizaram ontem, 23 de Outubro, na Casa do Alentejo, em Lisboa, a sessão pública 45 anos da “Revolução de Abril e o fim do colonialismo português”.

A sessão, que contou com numerosa participação, moderada por Ilda Figueiredo, presidente da Direção Nacional do Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) ,contou como oradores com o Coronel Baptista Alves, Capitão de Abril e presidente da Mesa da Assembleia da Paz do CPPC, Francisco Canelas, dirigente da União de Resistentes Anti-Fascistas Portugueses, Ana Souto dirigente do Movimento Democrático de Mulheres, Augusto Flor presidente da Direção da Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto (CPCCRD), Jorge Cadima do Movimento pelos Direitos do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente (MPPM) e de João Barreiros da Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses - Intersindical Nacional (CGTP-IN). Intervieram também representantes da Frente de Libertação de Moçambique (FRELIMO) e do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA).

 

Na sessão foram abordadas as lutas dos povos em Portugal e nas ex-colónias antes do 25 de Abril de 1974 e como estas contribuíram decisivamente para a derrota do regime fascista português com a Revolução de Abril que, por sua vez, precipitou a conquista da liberdade e da democracia, tanto em Portugal como nos países colonizados, levando à independência destes.

Foram igualmente dados exemplos de colonialismo que continua no mundo, como na Palestina e no Saara Ocidental, tendo -se manifestado toda a solidariedade aos povos vítimas dessa situação e reafirmado os valores de Abril que a Constituição da República Portuguesa consagra.

Organizações promotoras:

Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) ● Câmara Municipal de Loures ● Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses - Intersindical Nacional (CGTP-IN) ● Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto (CPCCRD) ● Federação Nacional de Professores (FENPROF) ● Juventude Operária Católica (JOC) ● Liga Operária Católica (LOC) ● Movimento Democrático de Mulheres (MDM) ● Movimento Municípios pela Paz ● Movimento pelos Direitos do Povo Palestino e pela Paz no Médio Oriente (MPPM) ● Pastoral Operária ● União de Resistentes Antifascistas Portugueses (URAP)